Michaelis
Melhoramentos
Michaelis

Dicionário de Alemão Online

lista por ordem alfabética: A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z

Prefácio

O Michaelis Dicionário Escolar Alemão contém mais de 28.000 verbetes, selecionados e adaptados para os brasileiros que estudam a língua alemã e se preocupam em falar e escrevê-la corretamente.

A grafia das palavras em português segue o Vocabulário Ortográfico da Língua Portuguesa (VOLP, 5.a ed., março de 2009), respeitando as modificações introduzidas pelo Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa. Adotamos também as novas regras oficiais da ortografia do alemão, fazendo oportunamente referências à ortografia antiga (veja explicações a seguir).

Este dicionário segue rigorosas normas de lexicografia que padronizam a estrutura dos verbetes a fim de facilitar a leitura e dar acesso imediato à informação.

Os verbetes em alemão e em português apresentam divisão silábica, classe gramatical, área de conhecimento, várias acepções e expressões atuais.

O Michaelis Dicionário Escolar Alemão contou, em sua elaboração, com uma equipe especializada de dicionaristas, professores de alemão e de português e revisores, entre outros profissionais.

Com a publicação desta obra, a Melhoramentos oferece aos estudantes um valioso instrumento para aperfeiçoar os conhecimentos da língua alemã.

A nova ortografia do português

Para este dicionário foram adotadas as alterações na ortografia do português conforme o Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa de 1990.

A implantação das regras desse Acordo é um passo importante em direção à criação de uma ortografia unificada para o português, a ser usada por todos os países de língua oficial portuguesa: Portugal, Brasil, Angola, São Tomé e Príncipe, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique e Timor Leste.

A nova ortografia do alemão

Uma resolução dos ministros de educação e cultura dos estados alemães e dos demais países em que a língua alemã é língua oficial introduziu a partir de 1.o de agosto de 1998 uma série de novas regras na ortografia oficial da língua alemã. Durante uma fase de transição que terminará em 31 de julho de 2005 admite-se o uso das antigas regras de 1901 ao lado dessa nova ortografia que deverá facilitar a escrita correta do idioma alemão por ser mais coerente.

As principais novidades podem ser resumidas nos seguintes itens:

1. A primeira alteração diz respeito ao uso do ß (Eszett), letra cujo som corresponde a ss. O ß deve ser usado após vogais longas ou ditongos, enquanto ss é usado após vogais breves. Antes da reforma, havia exceções a essa regra, e o ß era usado após vogais breves quando a palavra era monossílaba e terminava com esse som ou com t. O que ocorreu, portanto, foi a eliminação das exceções. Vale a pena ainda lembrar que na Suíça o ß já não é mais usado há anos.

Alguns exemplos:

antiga ortografia: muß (e outras formas do modal müssen), daß (a conjunção integrante), ißt (verbo essen), der Fluß (o rio)

como devemos escrever: muss, dass, isst, Fluss.

2. Na formação de um substantivo composto, quando ocorria a junção de três consoantes iguais, uma delas desaparecia. Segundo a nova ortografia, devemos manter as três.

Exemplo: die Schifffahrt (a viagem de navio), junção de das Schiff + die Fahrt. Neste caso, podemos usar o traço de união para evitar essa forma: die Schiff-Fahrt. (A forma antiga era die Schiffahrt).

3. Quando se trata de palavras derivadas, essas devem manter a forma da palavra primitiva. Exemplo: die Nummer (o algarismo, o número), nummerieren (numerar). A grafia antiga era numerieren.

4. Palavras de origem estrangeira podem ser adaptadas à escrita alemã, mas as duas formas coexistem. Exemplos: fantastisch (phantastisch), Delfin (Delphin).

5. Substantivos que fazem parte de locuções adverbiais ou verbais devem ser escritos com letra maiúscula. Exemplos: Rad fahren (andar de bicicleta). Forma anterior: radfahren; in Bezug auf (com referência a). Forma anterior: in bezug auf. O mesmo ocorre com heute Morgen (hoje de manhã), que antes da reforma era escrito com letra minúscula (heute morgen).

6. Os pronomes referentes à segunda pessoa, que eram escritos com letra maiúscula em cartas, devem sempre ser escritos com letra minúscula: du, dir, dein...

7. Verbos formados pela junção de outro verbo ou de um substantivo devem ser escritos separadamente. Exemplos: kennen lernen (conhecer). Antes se escrevia kennenlernen. E também Ski fahren (esquiar), Rad fahren (andar de bicicleta), spazieren gehen (passear).

8. Uma palavra formada pela junção com algarismos deve sempre usar o traço de união.

Exemplo: ein 9-jähriger Junge (um garoto de nove anos). Antes: ein 9jähriger Junge.

9. Quanto à divisão silábica, atente para as seguintes modificações: até agora, st era inseparável. Assim, deveríamos separar We-ste(colete). Atualmente separa-se assim: Wes-te. Quanto ao conjunto consonantal ck, ao ser separado transformava-se em k-k. Não devemos mais separá-lo. Assim, der Bäcker (o padeiro) deve ser separado Bä-cker (antes: Bäk-ker).

10.No que diz respeito à utilização de vírgulas, a nova ortografia torna facultativo o seu uso entre orações coordenadas com und e oder e nas orações infinitivas com zu. A vírgula passa a ser usada apenas quando achamos que ela facilitará o entendimento, evitando falsas interpretações. Exemplo: Du machst das Bett (,) und ich bereite das Frühstück vor. (Você arruma a cama, e eu preparo o café Ich hoffe) (,) morgen früh zu Hause zu sein. (Espero estar em casa amanhã cedo).



© 1998-2009 Editora Melhoramentos Ltda. © 2009 UOL - O melhor conteúdo. Todos os direitos reservados