Dicionário de Espanhol Online

lista por ordem alfabética: A B C D E F G H I J K L M N Ń O P Q R S T U V W X Y Z

Gramática e curiosidades

VERBOS

Os verbos são palavras que atuam como núcleo da oração.

Em espanhol, os verbos são classificados em três grupos, conforme a terminação:

1) Primeira conjugação: verbos cujo infinitivo termina em - ar, como cantar, tomar, hablar.

2) Segunda conjugação: verbos cujo infinitivo termina em - er, como beber, comer, poseer.

3) Terceira conjugação: verbos cujo infinitivo termina em - ir, como vivir, asistir, permitir.

Cada uma das conjugações (-ar, -er, - ir) pode ser regular ou irregular. Este dicionário inclui o paradigma de conjugação do espanhol, tanto dos verbos regulares como dos verbos irregulares (veja "Conjugação de verbos em espanhol").

Os modos verbais são três: indicativo, subjuntivo e imperativo.

 

INDICATIVO

Conjuga-se o modo indicativo nos seguintes tempos:

Presente: Usa- se para:

Referir-se a hábitos ou costumes. Ex.: Me levanto todos los días a las seis de la mañana / Levanto- me todos os dias às seis da manhã.

Definir e dar informações. Ex.: Apátrida es la pessoa que no tiene nacionalidad / Apátrida é a pessoa que não tem nacionalidade.

Falar de ações futuras. Ex.: Mañana tengo una reunión muy importante / Amanhã tenho uma reunião muito importante.

Falar de acontecimentos passados. Ex.: El pintor Salvador Dalí nace en Figueres el 11 de mayo de 1904 / O pintor Salvador Dalí nasce em Figueres em 11 de maio de 1904.

Dar instruções. Ex.: Para hablar por un teléfono público, primero colocas la tarjeta y luego marcas el número. Para falar em um telefone público, primeiro você coloca o cartão e depois disca os números.

Convidar, propor, sugerir. Ex.: ¿Vamos al teatro esta tarde? / Vamos ao teatro esta tarde?

Pretérito imperfecto (copretérito) Usa-se para:

Referir-se a ações passadas, de caráter duradouro ou repetitivo, que não têm um fim determinado no tempo. Ex.: Cuando era niña iba al colegio por la tarde / Quando era criança, ia ao colégio à tarde.

Descrever no passado. Ex.: En la época de mis abuelos la ciudad era tranquila y los días pasaban lentamente / Na época de meus avós a cidade era tranqüila e os dias passavam lentamente.

Pretérito perfecto simple (pretérito) Chamado também de indefinido, usa-se para:

Referir-se a ações concluídas em um momento determinado no passado. Ex.: El papa Juan Pablo II falleció el año 2005 / O papa João Paulo II faleceu em 2005.

Referir-se a ações únicas no passado. Ex.: Ayer fui al cine / Ontem fui ao cinema.

Pretérito perfecto compuesto Forma verbal composta do presente do verbo auxiliar haber mais o particípio do verbo principal. Usa-se para:

Falar de acontecimentos ou ações do passado próximo cujos efeitos se mantêm no presente. Ex.: Estoy muerta de hambre porque aún no he tomado desayuno / Estou morta de fome porque ainda não tomei o café-da- manhã.

Falar de experiências. Ex.: ¿Has leído el último libro de Mario Vargas Llosa? No, todavía no lo he leído . Você leu o último livro de Mario Vargas Llosa? Não, ainda não li.

Pretérito pluscuamperfecto Forma verbal composta do pretérito imperfeito do verbo auxiliar haber mais o particípio. Usa-se para:

Expressar uma ação passada anterior a outra, também passada. Ex.: Cuando los niños despertaron, Papá Noel ya se había ido / Quando as crianças acordaram, Papai Noel já tinha ido embora.

Futuro simple (futuro) Usa-se para:

Falar de ações futuras. Ex.: La próxima semana saldré de vacaciones / Na próxima semana sairei de férias.

Falar de planos. Ex.: Cuando termine de estudiar buscaré empleo en una gran empresa / Quando terminar de estudar procurarei emprego em uma grande empresa.

Condicional simple (pospretérito) Usa-se para:

Formar orações condicionais. Ex.: Si viviera en Río de Janeiro, iría todos los días a la playa / Se eu morasse no Rio de Janeiro, iria à praia todos os dias.

Expressar um desejo. Ex.: Con esta lluvia me gustaría dormir toda la tarde / Com esta chuva eu gostaria de dormir a tarde toda.

Pedir algo de forma cortês. Ex.: ¿Me traería otro café, por favor? / Você me traria outro café, por favor?

 

SUBJUNTIVO

Conjuga-se o modo subjuntivo nos seguintes tempos:

Presente Usa- se para:

Expressar desejo. Ex.: ¡Ojalá salga el sol este fin de semana! / Tomara que saia o sol neste fim de semana!

Aconselhar. Ex.: No fumes tanto, es malo para la salud / Não fumes tanto, faz mal para a saúde.

Expressar uma condição. Ex.: Quiero un coche que tenga asientos de cuero / Quero um carro que tenha bancos de couro.

Expressar probabilidade. Ex.: Quizá vengan mis amigos mañana / Tomara que meus amigos venham amanhã.

Usa- se também antecedido de quizá, ojalá, tal vez, probablemente, posiblemente.

Usa- se antecedido dos verbos aconsejar, agradecer, alegrarse de, decir, dudar, esperar, extrañarse, lamentar, mandar, no creer, pedir, perdonar, prohibir, recomendar, rogar, sentir, suplicar, tener miedo de, temer, mais que. Ex.: Espero que todos vengan mañana / Espero que todos venham amanhã.

Outras expressões que o regem são: es conveniente, es importante, es imprescindible, es interesante, es necesario, es posible, es probable, mais que. Ex.: Es importante que cuidemos la naturaleza / É importante que cuidemos da natureza.

Pretérito imperfecto Há duas formas de conjugação e usa-se para:

Formar a oração condicional. Ex.: Si supiese la verdad, te la diría / Se soubesse a verdade, eu te diria.

Expressar um desejo. Ex.: Ojalá saliera el sol / Tomara que saia o sol.

Solicitar algo de forma cortês. Ex.: Por favor, quisiera tomar un café / Por favor, queria um café.

Pretérito perfecto Formado com o presente do subjuntivo do verbo auxiliar haber mais o particípio do verbo principal. Usa-se para:

Falar de uma ação futura em relação a uma ação anterior. Ex.: Saldremos cuando haya terminado de llover / Saiamos quando tiver parado de chover.

Falar de uma probabilidade no passado. Ex.: Es probable que el avión ya haya aterrizado / É provável que o avião já tenha aterrissado.

Pretérito pluscuamperfecto Formado com o pretérito imperfeito do subjuntivo do verbo auxiliar haber mais o particípio do verbo principal e usa- se para:

Formar a oração condicional no tempo passado, ou condição irreal, por sua impossibilidade de cumprir-se. Ex.: Si hubiera dejado el bolso en casa no me lo habrían robado / Se tivesse deixado a bolsa em casa, não me teriam roubado.

 

IMPERATIVO

O modo imperativo pode classificar-se em afirmativo ou negativo conforme se usa para ordenar ou proibir algo.

As pessoas do imperativo são: , vosotros, usted e ustedes. As duas primeiras têm conjugação própria e as outras duas se conjugam como no presente do subjuntivo. Por isso, o paradigma de conjugação deste dicionário somente inclui as pessoas e vosotros.

Usa- se o modo imperativo para:

Ordenar. Ex.: ¡Lávate los dientes! / Lave os dentes!

Dar instruções. Ex.: Al salir de casa cierra la puerta con llave / Ao sair de casa, feche a porta com chave.

Aconselhar. Ex.: No tomes tan en serio las tonterías que dice tu marido / Não leves tão a sério as besteiras que disse teu marido.

Proibir. Ex.: ¡No salgas ahora que está lloviendo! / Não saias agora que está chovendo!

 

Formas não pessoais

Existem em espanhol três formas não pessoais, ou seja, formas invariáveis nas quais o verbo não se conjuga em função de pessoa, número ou modo. Estas são infinitivo, gerúndio e particípio.

 

INFINITIVO

O infinitivo é a forma ou nome como conhecemos um verbo e, como dissemos anteriormente, se classifica em verbos terminados em -ar (1a. conjugação), verbos terminados em -er (2a. conjugação) e verbos terminados em -ir (3a. conjugação).

Usos:

Como substantivo. Ex.: Cantar alegra la vida / Cantar alegra a vida.

Forma parte de numerosas perífrases verbais (frases formadas por um verbo auxiliar conjugado, mais una forma não pessoal para expressar uma idéia distinta daquela de cada verbo em separado). Ex.: Voy a beber un vaso de agua / Vou beber um copo de água.

Antecedido de a, tem valor imperativo. Ex.: ¡A dormir que ya es tarde! / Vá dormir que já é tarde!

Antecedido de al, tem valor temporal. Ex.: Al terminar de leer el libro se puso a llorar / Ao terminar de ler o livro, pôs-se a chorar.

Antecedido de por, expressa uma causa. Ex.: Por llegar tarde no pudimos ver la ceremonia / Por chegar tarde, não pudemos ver a cerimônia.

Antecedido de com, pode ter valor de condição ou concessão. Ex.: Con llorar no se resuelve nada / Chorar não resolve nada.

Antecedido de de, tem valor de condição. Ex.: De saber la verdad, te la diría / Se soubesse a verdade, te diria.

O infinitivo pode ser simples ou composto. O infinitivo composto se forma com haber mais particípio e expressa uma ação passada terminada. Ex.: De haber sabido lo que iba a pasar no habría tomado esa decisión / Se soubesse o que ia acontecer, não teria tomado essa decisão.

 

GERÚNDIO

O gerúndio expressa simultaneidade ou anterioridade em relação à ação principal. Ex.: Siempre ceno viendo la televisión.

Não se emprega para referir-se a ações posteriores ao verbo principal.

Formação do gerúndio de verbos regulares:

Verbos terminados em -ar = - ando. Ex.: Cantar - cantando.

Verbos terminados em -er = - iendo. Ex.: Beber - bebiendo.

Verbos terminados em -ir = - iendo. Ex.: Partir - partiendo.

Formação do gerúndio de verbos irregulares:

Verbos irregulares terminados em -ir, com troca de e por i na raiz, mantêm a mesma troca no gerúndio. Ex.: Pedir = pidiendo.

Verbos dormir, morir e poder, substituem o o da raiz por u. Ex.: Dormir = durmiendo.

Verbos em que a raiz termina em vogal terão final yendo. Ex.: Leer = leyendo.

Outros usos:

O gerúndio também pode cumprir funções de advérbio com os seguintes valores:

Valor temporal: Llegando a casa recordé que no tenía las llaves / Chegando em casa lembrei que não tinha as chaves.

Valor concessivo: Aun corriendo no conseguirás llegar a tiempo / Mesmo correndo, não conseguirás chegar a tempo.

Valor causal: Estudiando mucho consiguió pasar de año / Estudando muito, conseguiu passar de ano.

Valor condicional: Dejando de fumar vivirás más años / Deixando de fumar, viverás mais anos.

 

PARTICÍPIO

O particípio é usado nas formas verbais compostas precedido do verbo haber.

O particípio dos verbos regulares varia segundo a terminação:

Verbos terminados em -ar = - ado. Ex.: bailar - bailado

Verbos terminados em -er = - ido. Ex.: comer - comido

Verbos terminados em -ir = - ido. Ex.: partir - partido

No caso dos verbos irregulares, para formar as estruturas compostas (como, por exemplo, haber mais particípio) usa-se o chamado particípio regular ou particípio que podemos encontrar nos paradigmas verbais deste dicionário.

Usos:

Usa- se nas conjugações dos pretéritos perfecto (compuesto) e pluscuamperfecto do indicativo, pretéritos perfecto e pluscuamperfecto do subjuntivo e na formação da voz passiva. Ex.: Hoy he almorzado como un rey.

Voz passiva

A voz passiva (formada pelo verbo ser + particípio seguido da palavra por) é raramente usada em espanhol.

Em seu lugar usa-se a chamada voz passiva refleja, formada pela partícula se + terceira pessoa do verbo conjugado. Ex.: Se arriendan casas en la playa / Alugam-se casas na praia.

SUBSTANTIVOS

GÊNERO

Os substantivos em espanhol podem ser de gênero masculino ou feminino.

A maioria dos substantivos que se referem a pessoas ou animais tem formas próprias tanto para o masculino como para o feminino. Ex.: El gato / O gato (masculino) - La gata / A gata (feminino).

Alguns substantivos, porém (particularmente os que se referem a profissões), têm uma forma única para ambos os gêneros. Ex.: El periodista / O jornalista (masculino) - La periodista / A jornalista (feminino).

Formação do gênero:

masculino

feminino

-o

alumno / aluno

-a

alumna / aluna

-consonante

profesor / professor

+ a

profesora / professora

O masculino plural pode referir-se a:

…substantivos masculinos. Ex.: Mis hermanos, Pedro y Pablo, son médicos / Meus irmãos, Pedro e Paulo, são médicos.

…substantivo masculino e outro feminino. Ex.: Mis padres, Mario y Beatriz, son profesores / Meus pais, Mário e Beatriz, são professores.

 

NÚMERO

O singular se refere a apenas um elemento enquanto o plural se refere a vários.

Formação do número:

palavras no singular terminadas em

formam seu plural

a, e, i, o, u / á, é, ó

plaza / praça

café / café

+s

plazas / praças

cafés / cafés

consonante

canción / canção

í, ú

tabú

+es

canciones / canções

+es / +s (opcional)

tabúes / tabús

z

luz

+ces

luces

Algumas palavras como paraguas e paracaídas são escritas sempre em plural sem distinção de número. Ex.: Mi paraguas es azul. Siempre pierdo todos los paraguas que compro / Meu guarda-chuva é azul. Sempre perco todos os guarda-chuvas que compro.

Como vimos no gênero, o plural masculino inclui os gêneros masculino e feminino.

Alguns substantivos como gafas são representados apenas no plural (las gafas) enquanto outros como caos são escritos apenas no plural (el caos).

ARTIGOS

Os artigos servem para indicar o gênero (masculino / feminino) e o número (singular / plural) dos substantivos.

Classificam-se em determinados e indeterminados.

Os artigos determinados referem-se a um substantivo em particular.

singular

plural

masculino

el / o

los / os

feminino

la / a

las / as

Os artigos indeterminados se referem a um substantivo sem especificá-lo.

singular

plural

masculino

un / um

unos / uns

feminino

una / uma

unas / umas

Apesar de serem femininas, as palavras que começam com a tônico, tais como alma, agua, hacha, são precedidas pelo artigo determinado el e não la. Assim: el alma, el agua, el hacha. Ex.: El agua potable es un bien escaso / A água potável é um bem raro. Quando no plural, elas seguem a regra geral: las almas, las aguas, las hachas. Ex.: Las aguas de los ríos están cada vez más contaminadas / As águas dos rios estão cada vez mais contaminadas.

Em espanhol existem apenas dois casos de contração, a saber:

a + artigo el

al / ao

de + artigo el

del / do

Mis padres van al cine todos los domingos / Meus pais vão ao cinema todos os domingos.

Hoy se celebra el día del padre / Hoje comemora-se o dia dos pais.

DEMONSTRATIVOS

Utilizam-se para indicar um substantivo e concordam com ele em gênero e número.

Classificam-se conforme sua distância (espacial ou temporal) em relação ao substantivo ao qual se referem.

singular

plural

masculino

este

ese

aquel

estos

esos

aquellos

feminino

esta

esa

aquella

estas

esas

aquellas

Os demonstrativos podem estar acompanhados ou não do substantivo ao qual se referem. No primeiro caso são chamados de adjetivos demonstrativos e, no segundo, pronomes demonstrativos. Estes últimos levam acento gráfico, exceto quando não há ambigüidade.

Existe ainda uma forma neutra de pronomes demonstrativos, a saber:

esto

eso

aquello

Os demonstrativos neutros são usados para referir-se a coisas que não conhecemos, que não recordamos ou que preferimos não mencionar pelo nome. Ex.: ¿Qué es eso que brilla allá en el cielo? Eso es un cometa / Que é isso que brilha lá no céu? Isso é um cometa.

 

POSSESSIVOS

 

Quando acompanham o substantivo, são chamados de adjetivos possessivos; quando o substituem, são chamados de pronomes demonstrativos.

Adjetivos possessivos

Singular

Plural

Masculino

Feminino

Masculino

Feminino

(yo)

Mi hijo

Mi hija

Mis hijos

Mis hijas

(tú)

Tu hijo

Tu hija

Tus hijos

Tus hijas

(él, ella, usted)

Su hijo

Su hija

Sus hijos

Sus hijas

(nosotros/as)

Nuestro hijo

Nuestra hija

Nuestros hijos

Nuestras hijas

(vosotros/as)

Vuestro hijo

Vuestra hija

Vuestros hijos

Vuestras hijas

(ellos, ellas, ustedes)

Su hijo

Su hija

Sus hijos

Sus hijas

Os adjetivos possessivos Mi, Tu e Su não têm variação de gênero, somente de número. Mi cuñado se llama Bonifacio y mi cuñada Berta / Meu cunhado se chama Bonifácio e minha cunhada, Berta.

Pronomes possessivos

Singular

Plural

Masculino

Feminino

Masculino

Feminino

(yo)

Mío

Mía

Míos

Mías

(tú)

Tuyo

Tuya

Tuyos

Tuyas

(él, ella, usted)

Suyo

Suya

Suyos

Suyas

(nosotros/as)

Nuestro

Nuestra

Nuestros

Nuestras

(vosotros/as)

Vuestro

Vuestra

Vuestros

Vuestras

(ellos, ellas, ustedes)

Suyo

Suya

Suyos

Suyas

Os pronomes possessivos variam em gênero e número e concordam com o objeto possuído e não com o possuidor. Nuestro e Vuestro são comuns a ambas as formas de possessivo. Ex.: Nuestros hijos son tan listos como los vuestros.

 

INDEFINIDOS

Referem-se a pessoas e coisas indicando imprecisão ou quantidade indeterminada.

Adjetivos indefinidos

Singular

Plural

Masculino

Feminino

Masculino

Feminino

Afirmativo

Algún / Algum

Alguna / Alguma

Algunos / Alguns

Algunas / Algumas

Negativo

Ningún / Nenhum

Ninguna/ Nenhuma

Ningunos*

Ningunas*

Pronomes indefinidos

Singular

Plural

Masculino

Feminino

Masculino

Feminino

Afirmativo

Alguno / Algum

Alguna / Alguma

Algunos / Alguns

Algunas / Algumas

Negativo

Ninguno / Nenhum

Ninguna / Nenhuma

Ningunos*

Ningunas*

* Ningunos e ningunas são formas em desuso.

Pronomes indefinidos

Pessoas

Coisas

Afirmativo

Alguien / Alguém

Algo / Algo

Negativo

Nadie / Ninguém

Nada / Nada

¿Hay alguien en casa? - No, no hay nadie (no hay ninguna persona)

Há alguém em casa? - Não, não há ninguém (não há nenhuma pessoa)

¿Pasan algo interesante hoy en la tele? - No, no pasan nada (ninguna cosa)

Passa algo interessante hoje na televisão? - Não, não passa nada (nenhuma coisa)

Nas frases negativas, os indefinidos são antecedidos pela partícula no.

Ex.: No tengo nada en los bolsillos / Não tenho nada nos bolsos

Outros indefinidos:

un / um

Necesito un lápiz para dibujar

Preciso de um lápis para desenhar

una / uma

Una tarde de estas voy a ir verte

Uma tarde destas irei ver- te

unos / uns

Unos amigos vendrán a visitarme

Uns amigos virão me visitar

unas / umas

Necesito comprar unas sandalias nuevas

Preciso comprar umas sandálias novas

poco / pouco

Apúrate, tenemos poco tiempo para llegar

Apressa-te, temos pouco tempo para chegar

poca / pouca

Mi jefe es un gruñón, tiene poca paciencia

Meu chefe é um resmungão, tem pouca paciência

pocos / poucos

El presidente era un hombre de pocos amigos

O presidente era um homem de poucos amigos

pocas / poucas

Su novia aceptó la invitación con pocas ganas

Sua noiva aceitou o convite com pouco ânimo

un poco / um pouco

Necesito un poco de tiempo para decidir

Preciso de um pouco de tempo para decidir

 

mucho / muito

+ verbo

Juan trabaja mucho / João trabalha muito

+ substantivo

Juan gana mucho dinero / João ganha muito dinheiro

+ más / mais

Viajar es mucho más divertido que trabajar / Viajar é muito mais divertido que trabalhar

+ menos

En Brasil hace mucho menos frío que en Canadá / No Brasil faz muito menos frio que no Canadá

+ antes

El verano llegó mucho antes de lo esperado / O verão chegou muito antes do esperado

+ después / depois

Él entregó el trabajo mucho después que yo / Ele entregou o trabalho muito depois que eu

+ mayor / maior

Mi abuelo es mucho mayor que mi abuela / Meu avô é muito maior que minha avó

+ menor

Mi hermano es mucho menor que yo / Meu irmão é muito menor que eu

+ mejor / melhor

El enfermo está mucho mejor / O doente está muito melhor

+ peor / pior

El tráfico en la ciudad está mucho peor que antes / O trânsito na cidade está muito pior que antes

mucha / muita

+ substantivo

Tengo que lavar mucha ropa / Tenho de lavar muita roupa

muchos / muitos

+ substantivo

Hace muchos días que no veo a Pepe / Faz muitos dias que não vejo Pepe

muchas / muitas

+ substantivo

En el museo hay muchas esculturas / No museu há muitas esculturas

todo

Marisol estuvo todo el día en la playa / Marissol esteve o dia todo na praia

toda

El acusado confesó toda la verdad / O réu confessou toda a verdade

todos

Manuel lee todos los días el periódico / Manuel lê o jornal todos os dias

todas

El taxista conoce todas las calles de la ciudad / O taxista conhece todas as ruas da cidade

 

PRONOMES PESSOAIS E REFLEXIVOS

Os pronomes pessoais substituem o substantivo para evitar sua repetição. Ex.: Compré un cuadro y lo coloque en la pared del salón / Comprei um quadro e o coloquei na parede do salão.

Os pronomes reflexivos fazem parte dos verbos pronominais ou reflexivos, que são aqueles em que o sujeito ativo coincide com o sujeito passivo ou, em outras palavras, aqueles em que o sujeto coincide com o objeto. Ex.: Miguel se levanta muy temprano / Miguel se levanta muito cedo.

Pronomes pessoais e reflexivos

Sujeito

Comple-
mento

indireto

Comple-
mento

direto

Formas tônicas com

preposição

Refle-
xivo

(yo) / eu

me

me

a, de, para (para mim), conmigo (comigo)

me

(tú) / tu

te

te

a, de, para ti, (contigo)

te

(él, usted) / ele, você

le (se) / lhe (se)

(le) lo / o

a, de, para, con él (com ele), usted (você)

se

(ella, usted) / ela, você

le (se) / lhe (se)

la / a

a, de, para, con ella (com ela), usted (você)

se

(nosotros/as) / nós

nos

nos

a, de, para, con nosotros/as (conosco)

nos

(vosotros/as) / vós

os

os

a, de, para, con vosotros/as (convosco)

os

(ellos/ustedes) / eles, vocês

les (se) / lhes (se)

(les) los / os

a, de, para, con ellos (com eles), ustedes (vocês)

se

(ellas/ustedes) / elas, vocês

les (se) / lhes (se)

las / as

a, de, para, con ellas (com elas), ustedes (vocês)

se

Em espanhol pode-se prescindir do pronome pessoal sujeito dentro da oração. Ex.: Soy chilena / Sou chilena (em lugar de Yo soy chilena / Eu sou chilena).

PRONOMES INTERROGATIVOS E EXCLAMATIVOS

Os pronomes interrogativos são usados em perguntas e sempre levam acento. Ex.: ¿Cuál es tu número de teléfono? / Qual é o número do seu telfone?

Os pronomes exclamativos são usados para expressar admiração, surpresa ou desagrado e também são acentuados. Ex.: ¡Qué caros están los tomates! / Que caros estão os tomates!

cuál, cuáles / qual, quais

¿Cuál de estos bolsos es el tuyo? / Qual destas bolsas é tua?

cuándo / quando

¿Cuándo vamos a salir de vacaciones? / Quando vamos sair de férias?

cuánto, cuanta, cuántos, cuántas / quanto, quanta, quantos, quantas

¡Cuánto tiempo sin verte! / Quanto tempo sem ver-te!

cómo / como

¡Cómo es posible que aún no haya llegado! / Como é possível que ainda não tenha chegado!

dónde / onde

¿Dónde está el baño? / Onde é o banheiro?

qué / que

¡Qué lindo es tu bebé! / Que lindo é teu bebê!

quién, quiénes / quem

¡Quién hubiera imaginado una cosa así! / Quem tinha imaginado uma coisa assim!

 

PREPOSIÇÕES

São palavras invariáveis que introduzem elementos nominais ou oracionais, em subordinadas substantivas, fazendo-os depender de alguma palavra anterior.

As preposições mais usadas em espanhol são:

a / a, em

Esta noche vamos a cenar a un restaurante japonés / Esta noite vamos jantar em um restaurante japonês

ante / ante, diante

Ante lo delicado de la situación, es mejor esperar / Diante da delicada situação, é melhor esperar

bajo / debaixo, sob

Caminamos de la mano bajo un cielo estrellado / Caminhamos de mãos dadas debaixo de um céu estrelado

con / com

Voy con mi novia a la fiesta / Vou com minha noiva à festa

contra

Hay que luchar contra la contaminación ambiental / É preciso lutar contra a contaminação do meio ambiente

de

Los suegros llegaron de sorpresa a la casa de Gregorio / Os sogros chegaram de surpresa à casa de Gregório

desde

Mónica vive en Brasil desde el año 2000 / Mônica vive no Brasil desde 2000

durante

La alimentación es muy importante durante el embarazo / A alimentação é muito importante durante a gravidez

en / em

Los dos se quedaron en casa todo el día / Os dois permaneceram em casa todo o dia

entre

Entre tú y yo podemos terminar el trabajo hoy mismo / Entre mim e ti podemos terminar o traba‚lho hoje mesmo

hacia / a, para

Mis amigos fueron de vacaciones hacia el sur / Meus amigos foram de férias para o sul

hasta / até

Nos quedamos en la fiesta hasta el final / Ficamos na festa até o fim

mediante

El Ministerio financió el proyecto mediante recursos extranjeros / O Ministério financiou o projeto mediante recursos externos

para

El jefe quiere el informe para mañana / O chefe quer o relatório até amanhã

por

El gato salió de la casa por la ventana / O gato saiu da casa pela janela

según / segundo, conforme

Según mis cálculos, llegaremos a las cinco de la mañana / Segundo meus cálculos, chegaremos às cinco da manhã

sin / sem

El hombre salió sin pagar la cuenta / O homem saiu sem pagar a conta

sobre

El perfume está sobre la cómoda / O perfume está sobre a cômoda

tras / depois

Tras mucho pensar, María decidió casarse con Jonás / Depois de pensar muito, Maria decidiu casar com Jonas

 

ACENTUAÇÃO

As palavras são classificadas segundo a posição da sílaba tônica:

Oxítonas: aquelas onde a tônica está na última sílaba.

Acentuam-se as oxítonas terminadas en -n, -s ou vogal. Ex.: ocasión (ocasião), portugués (português), ma(mamãe).

Paroxítonas: aquelas onde a tônica está na penúltima sílaba.

Acentuam-se as paroxítonas terminadas em consonante, menos -n e -s. Ex.: frágil.

Proparoxítonas e sobreesdrújulas: as primeiras levam o acento na antepenúltima sílaba e as segundas, na sílaba anterior à antepenúltima sílaba.

Todas as proparoxítonas e sobreesdrújulas são acentuadas. Ex.: bado, pidamente.

Acento diacrítico

O acento diacrítico distingue uma palavra conforme sua classe gramatical. Ex.: enquanto tu, sem acento, é um adjetivo possessivo (tu lápiz es azul), , com acento, é um pronome (tú tienes un bolígrafo azul).

Acentuação dos monossílabos

Em geral os monossílabos não levam acento. Excepcionalmente, levam acento diacrítico os monossílabos que tenham dois ou mais significados diferentes.

A seguir, apresentamos diversos exemplos de acentos diacríticos:

Com acento gráfico

Sem acento gráfico

- siempre tienes la última palabra / Tu sempre tens a última palavra

tu - Tu casa es enorme / Tua casa é enorme

él - Él se llama Pedro Parra / Ele se chama Pedro Parra

el - El tiempo no se detiene / O tempo não pára

- A no me gusta el invierno / Não gosto do inverno

mi - Mi perrito se llama Pegaso / Meu cachorrinho se chama Pégaso

- Mi cuñado quiere que le dinero / Meu cunhado quer que lhe dê dinheiro

de - Hoy salí de casa atrasado / Hoje saí de casa atrasado

- Ya no qué hacer con mis hijos / Já não sei o que fazer com meus filhos

se - Mario se levanta muy temprano / Mário se levanta muito cedo

- Los novios se dieron el / Os noivos se deram o sim

si - Si no llueve mañana iremos a la playa / Se não chover amanhã, iremos à praia

más - No aguanto más esta situación / Não agüento mais esta situação

mas - Ese vestido me gusta mas es caro / Gosto desse vestido, mas é caro

aún - Aún nos quedan algunos minutos / Ainda ficamos alguns minutos

aun - Trabaja aun los fines de semana / Trabalha também nos fins de semana

- El verde es bueno para la salud / O chá verde é bom para a saúde

te - Te estuve esperando toda la tarde / Estive te esperando toda a tarde

ó - Mi jefe volverá en 2 ó 3 días / Meu chefe voltará em dois ou três dias

o - No sé si voy a la playa o al campo / Não sei se vou à praia ou ao campo

sólo - Sólo te pido que estudies / Só te peço que estudes

solo - A Juan le gusta trabajar solo / João gosta de trabalhar sozinho

qué - ¡Qué lindas están las flores! / Que lindas estão as flores!

que - La comida que pedí llegó fría / A comida que pedi chegou fria

quién - ¿Quién es ése que viene ahí? / Quem é esse que vem aí?

quien - Quien tiene la razón soy yo / Quem tem razão sou eu

cuál - ¿Cuál película viste ayer? / Qual filme viste ontem?

cual - Vive cual un ermitaño / Vive qual um eremita

cuánto -¿Cuánto vale este coche? / Quanto vale este carro?

cuanto - Hace cuanto puede / Faz o que pode.

dónde - ¿De dónde vienes? / De onde vens?

donde - La casa donde vivimos es azul / A casa onde moramos é azul

cómo - ¿Cómo te llamas? / Como te chamas?

como - Come como un león / Come como um leão

cuándo - ¿Cuándo es tu cumpleaños? / Quando é teu aniversário?

cuando - Cuando pueda iré a verte / Quando puder, irei te ver

éste - Éste es mi bolígrafo / Esta é minha caneta esferográfica

este - Este bolígrafo es rojo / Esta caneta esferográfica é vermelha

ése - Ése es mi hermano menor / Esse é meu irmão menor

ese - Ese de ahí es Tomás / Esse daí é Tomás

aquél - Aquél es mi profesor de español / Aquele é meu professor de espanhol

aquel - Aquel hotel es muy bueno / Aquele hotel é muito bom

 

NUMERAIS

Numerais cardinais

1

uno (un, una)

29

veintinueve

2

dos

30

treinta

3

tres

31

treinta y uno (un, una)

4

cuatro

40

cuarenta

5

cinco

50

cincuenta

6

seis

60

sesenta

7

siete

70

setenta

8

ocho

80

ochenta

9

nueve

90

noventa

10

diez

100

cien

11

once

101

ciento uno (un, una)

12

doce

110

ciento diez

13

trece

200

doscientos/as

14

catorce

300

trescientos/as

15

quince

400

cuatrocientos/as

16

dieciséis

500

quinientos/as

17

diecisiete

600

seiscientos/as

18

dieciocho

700

setecientos/as

19

diecinueve

800

ochocientos/as

20

veinte

900

novecientos/as

21

veintiuno

1.000

mil

22

veintidós

1.001

mil uno (un, una)

23

veintitrés

1.010

mil diez

24

veinticuatro

1.100

mil cien

25

veinticinco

2.000

dos mil

26

veintiséis

1.000.000

un millón

27

veintisiete

100.000.000

cien millones

28

veintiocho

1.000.000.000

mil millones

Uno, antes de substantivo masculino singular, torna-se un, e, antes de substantivo feminino singular, torna- se una. Ex.: Estoy leyendo un libro muy bueno / Estou lendo um livro muito bom. Me llamó una amiga por teléfono / Uma amiga me chamou pelo telefone.

Os cardinais de 1 a 30 são escritos em uma só palavra. Ex.: dieciséis (dezesseis), dieciocho (dezoito), veintitrés (vinte e três) etc.

De 31 até 99, são escritos em três palavras, unindo-se a unidade e a dezena com a conjunção y. Ex.: treinta y dos (trinta e dois), cuarenta y cinco (quarenta e cinco), noventa y siete (noventa e sete) etc.

De 101 em diante não há conjunção entre os números. Ex.: ciento uno (cento e um), trescientos veinte (trezentos e vinte), mil veintitrés (mil e vinte e três) etc.

Os milhares são separados por ponto (.) e os decimais por vírgula (,). Ex.: 3.000 (tres mil / três mil), 2,5 (dos coma cinco / dois vírgula cinco).

O cardinal mil millones corresponde a um bilhão em português.

Numerais ordinais

1.º

primero, a

11.º

undécimo, a

2.º

segundo, a

12.º

duodécimo, a

3.º

tercero, a

13.º

decimotercero, a

4.º

cuarto, a

14.º

decimocuarto, a

5.º

quinto, a

15.º

decimoquinto, a

6.º

sexto, a

16.º

decimosexto, a

7.º

séptimo, a

17.º

decimoséptimo, a

8.º

octavo, a

18.º

decimoctavo, a

9.º

noveno, a

19.º

decimonoveno, a

10.º

décimo, a

20.º

vigésimo, a

100.º

centésimo, a

1000.º

milésimo, a

Primero e tercero tornam-se primer e tercer antes de substantivo masculino singular. Ex.: Mi hijo ganó el primer lugar en el concurso de pintura / Meu filho ganhou o primeiro lugar no concurso de pintura.

CONVERSAÇÃO EM ESPANHOL

PARA FALAR POR TELEFONE

1. Ligações informais

Aló... / Alô...

¡Hola!, ¿está María? / Olá! Maria está?

Lo siento, María no está. ¿Quieres dejar algún recado? / Sinto muito, Maria não está. Quer deixar algum recado?

Sí, por favor, dile que llamó Manuel. / Por favor, diga-lhe que Manuel ligou.

Yo le aviso. / Eu a aviso.

Gracias. / Muito obrigado.

¿Diga? / Alô!

Buenas tardes, ¿podría hablar con Manuel, por favor? / Boa tarde! Por favor, eu poderia falar com Manuel?

Sí, un momento. ¿De parte de quién? / Sim, um momento. Quem está falando?

De María. / Maria.

Ahora se pone. / Ela já está vindo.

Muchas gracias. / Muito obrigada.

¿Bueno? / Alô!

Buenas noches, ¿está Pedro? / Boa noite! Pedro está?

Lo siento, número equivocado. / Sinto muito, não é esse número.

¿No es el 3874 7997? / Não é 3874-7997?

No, es el 3874 7999. / Não, é 3874-7999.

Disculpe. / Desculpe.

No hay problema. / Não tem problema.

2. Ligações formais

Estudio Jurídico, buenos días... / Escritório de advocacia, bom dia...

Buenos días, ¿podría hablar con el Sr. Gutiérrez, por favor? / Bom dia! Por favor, eu poderia falar com o senhor Gutierrez?

Un momento, no cuelgue. / Um momento, não desligue.

Seguros S.A., buenas tardes. / Seguros S.A., boa tarde.

Por favor, quisiera hablar con la Sra. Villarreal. / Por favor, gostaria de falar com a senhora Villarreal.

La Sra. Villarreal está en una reunión, ¿quiere dejar algún recado? / A senhora Villarreal está em uma reunião; quer deixar algum recado?

Sí, por favor, dígale que llamó Marcos Díaz. / Sim. Diga- lhe que Marcos Díaz ligou.

Muy bien, Sr. Díaz. / Muito bem, senhor Díaz.

Muchas gracias. / Muito obrigado.

Central de importaciones, buenas tardes. / Central de importações, boa tarde.

¿Podría comunicarme con el interno 103? / Poderia me passar para o ramal 103?

Lo comunico. Un momento, por favor... / Vou passar a ligação. Um momento, por favor...

...lo lamento, el interno está ocupado, ¿quiere esperar o llama más tarde? / O ramal está ocupado. Quer esperar ou liga mais tarde?

Espero en la línea, gracias. / Espero na linha, obrigado.

Gracias a usted, no cuelgue. / De nada, não desligue.

 

PARA PEDIR UM NÚMERO DE TELEFONE

1. Informal

Pedro, ¿cuál es tu número de teléfono? / Pedro, qual é o número do seu telefone?

Es el 38749997. / É 3874-9997.

¡Gracias! / Obrigado!

2. Formal

¿Cuál es su número de teléfono, Sr. Díaz? / Qual é o número do seu telefone, Sr. Díaz?

El 95588776. / É 9558-8776.

Muchas gracias. / Muito obrigado.

3. Telefones públicos

¿Cuál es el (número de) teléfono del hotel Plaza? / Qual é o (número do) telefone do hotel Plaza?

Es el 7766-5541. / É o 7766-5541.

Gracias. / Obrigado.

 

PARA PERGUNTAR A HORA

Por favor, ¿qué hora es? / Por favor, que horas são?

Son las tres y media. / São três e meia.

Muchas gracias. / Muito obrigado.

De nada. / De nada.

Perdón, ¿tiene hora? / Com licença, você tem hora?

Sí, son las nueve y cuarto. / Sim, são nove e quinze.

Gracias. / Obrigado.

De nada. / De nada.

Disculpe, ¿a qué hora abren los bancos? / A que hora abrem os bancos?

A las diez de la mañana. / Às dez da manhã.

Muchas gracias. / Muito obrigado.

De nada. / De nada.

Por favor, ¿a qué hora llega el avión procedente de Santiago? / Por favor, a que hora chega o avião procedente de Santiago?

Aproximadamente a las nueve de la noche. / Aproximadamente às nove da noite.

 

PARA PERGUNTAR DATAS

¿Qué día es hoy? / Que dia é hoje?

Hoy es jueves. / Hoje é quinta-feira.

¿A cuántos estamos? / Em que dia (do mês) estamos?

Estamos a 23 de marzo. / Estamos no dia 23 de março.

¿Cuándo comienzan las clases? / Quando começam as aulas?

El día 6 de agosto. / No dia 6 de agosto.

Dias da semana

Lunes / segunda-feira

Martes / terça- feira

Miércoles / quarta- feira

Jueves / quinta- feira

Viernes / sexta-feira

Sábado / sábado

Domingo / domingo

Meses do ano

Enero / Janeiro

Febrero / Fevereiro

Marzo / Março

Abril / Abril

Mayo / Maio

Junio / Junho

Julio / Julho

Agosto / Agosto

Septiembre / Setembro

Octubre / Outubro

Noviembre / Novembro

Diciembre / Dezembro

 

APRESENTAÇÕES

1. Informais

¡Hola María! / Olá, Maria!

¡Hola Manuel! / Olá, Manuel!

María, éste es Pedro, mi primo. / Maria, este é Pedro, meu primo.

Qué tal, Pedro. / Como vai, Pedro?

Mucho gusto, María. / Muito prazer, Maria.

2. Formais

Buenas tardes, Sra. Villarreal. Le presento a mi socio, Marcos Díaz. / Boa tarde, Sra. Villarreal. Apresento-lhe meu sócio, Marcos Díaz.

Encantada, Sr. Díaz. / Muito prazer, Sr. Díaz.

El gusto es mío. / O prazer é meu.

 

CUMPRIMENTOS

1. Informais

¡Hola! Qué tal. / Olá, como vai!

¡Hola! ¿Cómo estás? / Olá, como está?

2. Formais

Buen día / Buenos días. / Bom dia!

Buenas tardes. / Boa tarde!

Buenas noches. / Boa noite!

3. Despedidas

Hasta mañana. / Até amanhã!

Hasta el (próximo) viernes. / Até (a próxima) sexta.

Hasta ahora (cuando se espera ver pronto a la persona). / Até já (quando se espera ver logo a pessoa).

Hasta después. / Até depois.

Hasta la vista. / Até a vista!

Hasta luego. / Até logo!

Hasta pronto. / Até breve!

Adiós. / Adeus!

Chao / chau / Tchau!

 

PARA PEDIR PERMISSÃO

Permiso, ¿puedo pasar? / Com licença, posso passar?

Sí. Pase, por favor. / Sim, passe, por favor.

¿Este asiento está ocupado? / Este assento está ocupado?

No, puede sentarse. / Não, pode sentar-se.

Gracias. / Obrigado.

Perdón, ¿puedo fumar? / Com licença, posso fumar?

No, no puede. Lo siento. / Não, não pode. Sinto muito.

 

PARA PERGUNTAR COMO SE ESCREVE UMA PALAVRA

¿Cómo se deletrea Rogelio? / Como se soletra Rogelio?

R-o-g-e-l-i- o. / R-o-g-e-l-i- o.

¿Cómo se escribe Rogelio? / Como se escreve Rogelio?

R-o-g-e-l-i- o. / R-o-g-e-l-i- o.

¿Cómo se escribe Rogelio? / Como se escreve Rogelio?

Con ge. / Com g.

¿Cómo se escribe cruz, con ese o con zeta? / Como se escreve cruz, com s ou com z?

Con zeta. / Com z.

© 1998-2009 Editora Melhoramentos Ltda. © 2009 UOL - O melhor conteúdo. Todos os direitos reservados